NEWS

O novo
Humanismo Verde

Verde desde sempre, no nome e de facto. Mas também precursores do conceito de economia circular. Era 1993 quando Luciano Benetton foi o protagonista de uma provocativa campanha de lançamento do Clothing redestribution project, em sinergia com a Cáritas e a Cruz Vermelha. “Sustentabilidade, atenção ao desperdício, ética e respeito social fazem parte do ADN da Benetton”, lembra o CEO do Grupo Benetton Massimo Renon, entrevistado por Pianeta 2021, o encarte mensal do Corriere della Sera dedicado ao futuro do Planeta e ao meio ambiente.

Um olhar para o passado, mas sobretudo o compromisso com o futuro. Renon ilustra o novo Manifesto pela Sustentabilidade “A moda não é tudo”, recentemente adotado pela empresa. A síntese dos projetos sustentáveis ​​já implementados e dos objetivos alcançados na qualidade dos materiais, reconhecidos internacionalmente.

O novo capítulo da nossa história verde começa em Florença, berço do Renascimento italiano, onde recentemente inaugurámos a primeira loja 100% sustentável. A próxima abertura verde já está marcada na agenda 2021: será em Milão, capital italiana da moda.

Por fim, Renon fala sobre a nova colaboração com Ghali. “A primeira de uma série de parcerias com ícones do público mais jovem: o rapper, símbolo do multiculturalismo e da integração, vai assinar uma coleção cápsula criada com os nossos departamentos de estilo e sustentabilidade. Objetivo? Sensibilizar as novas gerações para que cada vez mais se apropriem desses valores. O seu, o nosso futuro".